Crédito: Cofen

Fonte: Coren-RJ

A Comissão Nacional de Urgência e Emergência do Conselho Federal de Enfermagem (Conue/Cofen) se reuniu no escritório administrativo do Cofen, no Rio de Janeiro, nos dias 29 e 30/11, para discutir a implementação de protocolos assistenciais no atendimento pré-hospitalar móvel, na modalidade suporte básico de vida.

Os integrantes discutiram estratégias para reduzir o risco de morte no ambiente pré-hospitalar, e condições para a implementação de protocolos. “Uma assistência de Enfermagem precoce, capacitada e regulamentada produzirá resultados relevantes, garantindo a qualidade da assistência prestada e a segurança do paciente”, afirma o coordenador da comissão, Eduardo Fernando de Souza.

A comissão realizou, ainda, o planejamento estratégico para o ano de 2022, utilizando a matriz de priorização de problemas (Matriz de GUT) e o plano de trabalho. “Um planejamento estruturado estabelece uma ordem para as ações pré-definidas com base em riscos calculados e não só na expertise técnica de seus membros”, explica Sérgio Martuchi, integrante da Comissão.

Comissão Nacional de Urgência e Emergência

A comissão assessora o plenário do Cofen, visando garantir a qualidade e a efetividade da assistência ao paciente crítico, ampliar o acesso ao cuidado e direcionar as ações dos profissionais de Enfermagem. Seu trabalho subsidia Resoluções e marcos técnicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui