Crédito: TV Brasil / Agência Brasil

Fonte: G1

Um adolescente morreu nesta terça-feira (07/06) em um deslizamento de barreira no grande Recife. Já são 129 vítimas desde o inicio das chuvas.

A terra e a lama atingiram quatro casas da comunidade da Linha do Tiro, na Zona Norte do Recife. Sete pessoas ficaram soterradas. Três conseguiram sair sem ferimentos e quatro ficaram presas nos escombros. Uma delas foi Lucas Daniel da Silva Nunes, de 13 anos, que morreu a caminho de uma Unidade de Pronto Atendimento.

“Não é possível um negócio desses, todo ano morre gente. E todo ano a gente fica aí. Minha família desamparada, sem casas para morar”, diz Eliziário da Silva, avô de Lucas.

Em Tamandaré, a 100 quilômetros do Recife, outro deslizamento derrubou duas casas. Uma estava vazia. Na outra, estavam nove pessoas da mesma família. Seis ficaram soterradas: três adolescentes, dois adultos e um idoso.

Os feridos foram socorridos em um hospital de Tamandaré. Dois adolescentes e um adulto, que estão em situação mais grave, foram transferidos para hospitais da Região Metropolitana do Recife.

Walquiria Maria de Lima teve ferimentos leves no braço. Ela disse que os moradores tentaram fugir, mas não conseguiram.

“Caiu muito barro, muito mesmo. Não deu tempo da gente correr. Sorte da gente foi que o barro empurrou a gente para fora. Se fosse por cima da gente, a gente tinha soterrado, tinha morrido”, conta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui