Data: 07/10/2015 / Fonte: Redação Revista Emergência

Usadas em instalações corporativas há algum tempo, tintas anti-incêndio agora estão mais acessíveis para o consumidor residencial devido à maior escala de produção. Lançadas no País pela CKC do Brasil, as tintas intumescentes à base de água já são encontradas em várias versões para cobertura de diferentes superfícies, como madeira, metal, drywall e até plásticos. Essas tintas podem elevar em até 200% o tempo que o material pintado resiste às chamas, garantindo mais tempo para que pessoas saiam do local e para que bombeiros cheguem. De acordo com Jeffery Lin, diretor de Operações da CKC do Brasil, o diferencial está na química: “ao ser confrontada com altas temperaturas, a tinta intumescente anti-incêndio reage em forma de umidade e forma uma espécie de espuma protetora que dissipa rapidamente o calor, resistindo por até duas horas de fogo”.

Sobre a empresa
Há 17 anos no mercado, a CKC do Brasil é uma distribuidora de produtos de Proteção Passiva Contra Fogo nos segmentos da Construção Civil e em Processos Produtivos Industriais. Com investimentos em pesquisa, desenvolvimento, equipes de Engenharia e consultores especialistas em segurança, a empresa oferece soluções para tratamento anti-chamas em materiais como madeiras, tecidos, plásticos, fibras naturais, aço estrutural e firestop, de acordo com as principais normas e certificações vigentes exigidas pelas legislações de segurança contra incêndio no país. Mais informações em www.ckc.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui