Data: 25/01/2016 / Fonte: EBC

Belém/PA – Dois adolescentes e 47 adultos foram conduzidos neste domingo (24) para a sede da Divisão de Investigações e Operações Especiais da Polícia Civil em Belém (PA). Eles respondem por envolvimento em um suposto esquema de fraude no concurso público para soldado e oficial do Corpo de Bombeiros do Estado.

Entre os envolvidos estão militares das forças armadas. De acordo com a Polícia Civil, apenas cinco pessoas permanecem presas.

Homens da inteligência da Polícia Militar prenderam um dos suspeitos próximo a um dos locais de realização da prova, na capital paraense. Com ele foi apreendido um caderno com anotações das supostas respostas. A suspeita é que com apoio dos outros comparsas ele enviava toques de celular correspondentes às alternativas das provas.

O Jornal da Amazônia 2ª Edição desta segunda-feira (25 de janeiro) traz ainda a informação sobre o julgamento, no Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, da ação que pede a cassação do governador, José Melo, do PROS; e do vice-governador, José Henrique Oliveira, do PR. Eles são acusados de envolvimento em um suposto esquema de compra de votos nas eleições de 2014. Cinco membros já votaram a favor da cassação do governador e do vice. Faltam dois votos. Na semana passada, o julgamento foi adiado duas vezes por causa da ausência de dois magistrados nas sessões.

E mais: em Rondônia, o nível do Rio Madeira está sendo monitorado diariamente. O Plano de Contingência para enchentes no estado já foi anunciado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui