Data: 09/10/2019 / Fonte: Agência de Notícias do Acre

Rio Branco/AC – Um termo de cooperação técnica foi firmado nesta quarta-feira, 9, entre o Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre (CBMAC). A intenção é propiciar aos militares que completaram seis anos na corporação uma oferta de cursos na modalidade de Ensino a Distância (EaD), durante o Curso de Formação de Cabos.

Com isso, pretende-se executar, mutuamente, as ações previstas nos planos estadual e nacional de Educação. A duração total do curso é de no mínimo 60 dias, com carga horária de 400 horas/aula em regime escolar semipresencial.

O Ieptec disponibilizará a Plataforma de Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) aos seis alunos que integram o curso. Dessa forma terá a obrigação de efetivar as matrículas, promovendo o controle e registro, bem como alimentar e atualizar a plataforma.

A coordenação, porém, estará sob a responsabilidade da Diretoria de Ensino e Instrução do Corpo de Bombeiros (DEI-CBMAC), que atuará selecionando mediadores para as áreas Ética, Cidadania, Direitos Humanos e Segurança Pública; Diversidade Étnico-sociocultural; entre outras. Também terá a responsabilidade de elaborar planos de cursos, proposta pedagógica e a devida certificação dos alunos.

“Que esse período seja aproveitado de maneira positiva e que, ao final, cada um possa estar capacitado para servir a sociedade sem restrição, com respeito e solidariedade”, disse o presidente do Ieptec, Francineudo Costa.

Para o comandante-geral do CMBAC, coronel Carlos Batista da Costa, é a população quem será beneficiada com militares mais qualificados.

“Há algum tempo tivemos acesso a plataforma EaD por meio do Ieptec e foi bastante exitoso. Nossa intenção com essa parceria é fortalecer ainda mais nossa corporação. Vamos ter a possibilidade de ofertar com propriedade nossa capacitação continuada a nosso efetivo, que era uma dificuldade que  tínhamos”, disse.

Entre as principais atividades realizadas pelos bombeiros destacam-se as de cumprir missões de auxílio à população em casos de calamidade pública, agir em situações de emergência através de atendimento pré-hospitalar, auxiliar em eventos junto à comunidade que envolvam ações de cidadania e prevenção de acidentes em defesa civil, bem como melhorar o processo de integração com os demais órgãos de segurança pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui