Crédito: Governo ES

Fonte: G1

A Secretaria da Saúde do Espírito Santo (Sesa) informou, nesta sexta-feira (10) que, atualmente, 15 profissionais de saúde da rede estadual estão positivos para Covid-19.

De acordo com a Sesa, os profissionais da saúde fazem parte de um grupo prioritário para testagem quando apresentam sintomas compatíveis com a doença.

A Sesa disse, ainda, que possui um conjunto de 14 mil trabalhadores na rede estadual e está realizando uma contratação emergencial de mais profissionais com o objetivo de ampliar os recursos humanos nos hospitais.

Ao todo, o estado tem 349 pessoas com coronavírus. Oito mortes pela doença já foram confirmadas. Há casos de transmissão comunitária da doença, ou seja, quando não há como identificar a origem da contaminação.

Falta de EPI’s

Profissionais da saúde de algumas unidades relatam a falta de equipamentos de proteção individual (EPI’s) para quem trabalha na linha de frente no combate ao coronavírus. Itens como máscaras e luvas são essenciais para médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, por exemplo.

Em nota, a Secretaria Estadual da Saúde ressaltou que desde janeiro deste ano reforçou os estoques e que atualmente não há falta de EPI’s para os profissionais da rede estadual. No entanto, esclarece que existem critérios para utilização destes e que tanto a equipe de Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), quantos os infectologistas, tem reforçado as orientações sobre a utilização destes materiais nos hospitais seguindo o protocolo do Ministério da Saúde (MS) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Segundo a Sesa, o abastecimento nas unidades é acompanhando e as necessidades avaliadas de acordo com a demanda.

A Sesa informa, ainda, que há processos de compra no valor de R$ 14 milhões em andamento de diferentes EPI’s para os profissionais de saúde. Somente de máscaras, são 3 milhões de peças. A entrega de todos os materiais está escalonada para primeira e segunda quinzena de abril.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui