Data: 20/09/2016 / Fonte: Ministério das Cidades

O ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Elmer Vicenzi, receberam nesta terça-feira (20), em reunião no ministério das Cidades, empresas parceiras para participarem do lançamento do Comitê Empresarial de Segurança Viária como ação educativa, em alusão à Semana Nacional de Trânsito, comemorada anualmente de 18 a 25 de setembro.

Durante o encontro, o ministro Bruno Araújo destacou a importância de ter ações de boas condutas nas vias e ruas de todo país. “O trânsito é um ambiente de convívio como outro qualquer, por isso, ressalto que o desafio é que pedestres, motoristas e ciclistas possam dividir os mesmos espaços públicos, com harmonia e civilidade. Agradeço em nome do governo federal a todos que resolveram participar desse momento na formação deste Comitê, no intuito de disponibilizar um tempo para reflexão sobre os números de vítimas no trânsito, pois o Brasil ainda perde muitas vidas em relação ao resto do planeta”, explicou o ministro.

Para Bruno Araújo, é muito importante estabelecer parcerias para ações de educação no trânsito. “Esta união é uma chamada para trabalharmos juntos e poderá fazer toda diferença, para uma luta que temos que vencer. Também será um meio, de fato, para cuidarmos das boas condutas de trânsito, além de alertar para a preservação de vidas, que tem um impacto tremendo de mobilização”, disse Araújo.

O Comitê Empresarial de Segurança Viária é composto por até 35 representantes indicados pelos agentes da sociedade civil, dotados de personalidade jurídica (com ou sem fins lucrativos), que pleitearem vaga junto ao Ministério das Cidades, o qual ficará encarregado de selecioná-los, com transparência e isonomia. A seleção deverá ser iniciada e concluída, a cada 12 meses, a contar da data da divulgação dos nomes dos primeiros membros.

Os membros selecionados para compor o Comitê Empresarial serão selecionados a partir das ações e projetos que já empreendam ou que se comprometam a empreender, com vistas à segurança, prevenção e redução dos acidentes de trânsito no País, e se reunirão, no mínimo, duas vezes por ano, a cada semestre.

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) ficará responsável por todo processo, como: agendar e preparar as reuniões; registrar e distribuir aos membros as solicitações, consultas e pareceres técnicos recebidos para análise e divulgá-los no site do Denatran; elaborar as atas das reuniões, com a síntese dos debates e propostas de encaminhamento, enviá-las aos membros do Comitê Empresarial de Segurança Viária, e publicá-las no sítio eletrônico do Departamento Nacional de Trânsito em até 10 (dez) dias, contados da realização do encontro.

O diretor do Denatran, Elmer Coelho Vicenzi, fez um balanço, no decorrer da reunião, da atual situação do trânsito. “Diariamente somos envolvidos em quantidades estrondosas de acontecimentos, em um minuto, pelo menos duas pessoas perdem suas vidas no trânsito. A Organização Mundial de Saúde compara esse quadro com uma crise de saúde publica, como uma epidemia. Só que a gente já tem o conhecimento da vacina nesse caso, todos nós somos +1 para um trânsito mais seguro. E o comitê vai suprindo essa necessidade de articularmos ações para a gente poder reduzir esse cenário de acidentes”, destacou o diretor.

Dentre outras atividades, os membros deverão sugerir ao Denatran a adoção de ações para a sensibilização, mobilização e informação da sociedade civil sobre a prevenção de acidentes e a promoção de um trânsito mais seguro.

Na ocasião, os representantes das empresas e instituições convidadas, explanaram suas opiniões, sugestões e experiências. “Uma iniciativa que devemos aplaudir, em Brasília, é em relação ao respeito às faixas de pedestres, eu acho que isso devia ser mais divulgado e mais aplicado no Brasil. Aqui nós tivemos um resultado muito bom, poderia ser mais disseminado”, sugeriu Elson Póvoa da Câmara Brasileira da Indústria e da Construção.

Semana Nacional de Trânsito 2016 – O tema “Década Mundial de Ações para a Segurança no trânsito – 2011/2020: Eu sou + 1 por um trânsito + seguro” foi proposto pelo Conselho Nacional de Trânsito – Contran para acompanhar a evolução das ações de campanha de educação de trânsito do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), e as ações da “Década Mundial de Ações Para a Segurança do Trânsito – 2011/2020”. A principal finalidade é conscientizar o cidadão de sua responsabilidade no trânsito, valorizando ações do cotidiano e visando a participação de todos para o alcance da segurança viária.

Leia mais:

CCR MSVia promove ações de conscientização na Semana Nacional de Trânsito

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui