A eficiência do sistema de sprinklers e sua importância no controle de incêndios

Grande parte das tragédias causadas pelos incêndios iniciam-se em pequenos focos chamados princípios de incêndios, sendo ocasionados por ações e condições inseguras facilmente evitáveis se houvesse uma brigada de incêndio treinada aliada à uma cultura de prevenção. Vidas e patrimônios podem ser preservados com a adoção de importantes medidas preventivas. Ignorar as normas de prevenção tanto no que diz respeito às ações de educação, de aquisição e manutenção de equipamentos contra incêndio, resulta num ambiente propício ao surgimento de grandes desastres.

O Brasil não conta com uma legislação para incêndios que regulamenta e orienta de maneira adequada a prevenção dos mesmos. Apesar de existirem normas ABNT com medidas preventivas para estabelecimentos comerciais, o número de casos de incêndio ainda é crescente.

No ano de 2020, 1244 ocorrências de incêndios estruturais foram registradas no período de janeiro a dezembro e noticiadas pela imprensa. Segundo as estatísticas divulgadas pelo Instituto Sprinkler Brasil (ISB), dentre as diferentes categorias de estruturas, a que obteve o maior número de notícias na imprensa foram os estabelecimentos comerciais (lojas, shoppings e supermercados), com 255 registros, seguido por depósitos, com 220 registros.

É fundamental que estabelecimentos e construções de maneira geral apliquem as normas para evitar tais tragédias. Medidas de segurança que podem ajudar muito nesses momentos são rotas de fuga bem dimensionadas, que possibilitam uma evacuação mais rápida; a manutenção constante de equipamentos elétricos e afins; entre outros cuidados necessários que diminuem o risco de um incêndio estrutural.

Entre os principais meios de combate e contenção de incêndio, temos o sistema de sprinkler que se mostra altamente eficiente. No Brasil a nomenclatura técnica para Sprinklers é “Chuveiros Automáticos Contra Incêndio”, que controlam o fogo logo no início e inibem a formação de fumaça tóxica, dando tempo e visibilidade para a evacuação do espaço, minimizando os riscos.

Um sistema de sprinklers apresenta também uma ótima relação custo x benefício, além de proteger e transmitir segurança aos ocupantes de ambientes comerciais e residenciais. Além de salvar vidas, os sprinklers evitam igualmente que o patrimônio seja destruído, em caso de incêndio. Entenda a seguir como se dá o funcionamento dos chuveiros automáticos e porquê são tão eficientes no combate e contenção do fogo.

Funcionamento e eficiência do sprinkler

O sprinkler é um dispositivo que faz parte de sistemas de combate a incêndios e quando acionado libera água para eliminar e controlar o foco de fogo. O primeiro conceito que precisa ficar claro é que um sistema de sprinklers é acionado somente por calor, pontualmente e vai se abrindo à medida que o fogo se expande, e apenas se houver expansão do incêndio.  Assim, a quantidade de sprinklers que se abre é função direta da dimensão que o fogo atingiu até chegar na temperatura de acionamento.  Estatísticas demonstram que 95% dos incêndios são controlados com a abertura de até 5 sprinklers e que 98% dos incêndios são controlados com a abertura de até 10 sprinklers.

O sistema de sprinklers é acionado progressivamente porque cada sprinkler tem atuação automática, independente e unitária, um a um, após o rompimento de seu elemento termo sensível. Com a abertura de um sprinkler o fogo sob sua área de atuação começa a ser controlado e a tendência é que o sprinkler imediatamente a seu lado não seja aberto em função do controle exercido pelo sprinkler já em operação. A indústria de entretenimento do cinema tem contribuído muito com confusões, na medida em que diversos filmes mostram sprinklers acionados por fumaça ou sistemas inteiros abertos simultaneamente, o que nunca acontece na realidade.

No cálculo hidráulico se prevê um determinado número de sprinklers que abrirão em função do tipo de risco e outros fatores de projeto. Entretanto, na eventualidade de um incêndio, poucos sprinklers serão acionados efetivamente.

Dessa forma, sistemas de sprinklers são muito eficientes, mas é preciso lembrar que um sistema de sprinklers precisa ser adequadamente projetado e instalado por empresas capacitadas, sempre utilizando equipamentos certificados, além de seguir uma rotina de inspeção, teste e manutenção do sistema como um todo. Seguindo esses passos garantimos que o sistema de sprinklers entrará em operação rapidamente e com eficiência.

Sobre a ABSpk

A Associação Brasileira de Sprinklers, fundada no início de 2011, nasceu com o objetivo básico de fomentar o uso de sprinklers no mercado nacional. Sua função é promover a discussão, bem como implementar ações, no intuito de que todo sistema de sprinkler, projetado, instalado e mantido, no Brasil, seja tratado de maneira técnica, profissional e ética, uma vez que riscos à vida e ao patrimônio estão diretamente relacionados à correta implementação de equipamentos nos diversos tipos de empreendimentos e finalidades/uso da área protegida.


Promover a discussão, bem como implementar ações, no intuito de que todo sistema de sprinkler, projetado, instalado e mantido, no Brasil, seja tratado de maneira técnica, profissional e ética, uma vez que riscos à vida e ao patrimônio estão diretamente relacionados à correta implementação de equipamentos nos diversos tipos de empreendimentos e finalidades/uso da área protegida. O blog assinado por Felipe Melo, eletricista formado pela FEI, com MBA em Gestão de Projetos pela FIAP e Gestão Empresarial pela FIA e presidente da Associação Brasileira de Sprinklers (ABSpk), explica os casos e mostra como sistemas de proteção agem em episódios de incêndio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui