ARTIGO
Resposta a derrames de óleo

FOTO:
Arquivo Cetesb

AUTOR: Carlos Ferreira Lopes

Estudo aponta as técnicas de recuperação dos ambientes costeiros atingidos por derramamento de petróleo e seus derivados

Referências:
API. Oil spill response: options for minimizing adverse ecological impacts. S.I.: American Petroleum Institute, 1985. 98 p. Tab. [API publication, 4398].

BRASIL. IBAMA. Instrução normativa nº 1 de 14 de julho de 2000. Estabelece critérios a serem adotados pelo IBAMA para concessão de registro de dispersantes químicos empregados nas ações de combate a derrames de petróleo e seus derivados no mar. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, 17 de julho de 2000.

BRASIL. CONAMA. Resolução nº 269, de 14 de setembro de 2000. Regulamenta o uso de dispersantes químicos em derrames de óleo no mar. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, 12 de janeiro de 2001.

BRASIL. CONAMA. Resolução n° 398, de 11 de junho de 2008. Dispõe sobre o conteúdo mínimo do Plano de Emergência Individual para incidentes de poluição por óleo em águas sob jurisdição nacional, originados em portos organizados, instalações portuárias, terminais, dutos, sondas terrestres, plataformas e suas instalações de apoio, refinarias, estaleiros, marinas, clubes náuticos e instalações similares, e orienta a sua elaboração. Diário Oficial da União, Brasília, 12 de junho de 2008.

BRASIL. CONAMA. Resolução n° 463, de 29 de julho de 2014. Dispõe sobre o controle ambiental de produtos destinados à remediação. Diário Oficial da União, Brasília, 30 de julho de 2014.

IPIECA. Biological impacts of oil pollution: mangroves. [S.I.], 1993. (IPIECA Reports Series, 4).
ITOPF. Effects of marine oil spills. [S.I., 2000?]. Disponível em www.itopf.com/effects.html Acesso em 15 jul. 2004.

ITOPF. Alternatives Techniques. Disponível em: http://www.itopf.com/spill-response/clean-up-and-response/alternative-techniques/index.html Acesso em: 10 nov. 2010.

KERAMBRUN, L.; PARKER, H. When shoud clean-up operations be brought to a close: how clean is clean? In: 20 YERS AFTER THE AMOCO CADIZ SYMPOSIUM, 15-17 Octuber 1998 Brest. France: [s.n.], 1998

LOPES, C.F.; MILANELLI, J.C.C.; GOUVEIA, J.L.N. Materiais absorventes. Meio Ambiente Industrial, São Paulo, n. 53, p. 42-46, 2005.

LOPES, C.F.; MILANELLI, J.C.C; POFFO, I.R.F. Ambientes costeiros contaminados por óleo: procedimentos de limpeza – manual de orientação. São Paulo: Secretaria de Estado do Meio Ambiente, 2007, 120p.

———————————————————————————————————————————————
ARTIGO
Monitorando as emoções

AUTORES:
Gustavo Gonçalves Santos e Marta Peres Sobral Rocha

FOTO:
Jim Watson/U.S. Navy

Artigo trata da importância da prevenção e do tratamento do estresse pós-traumático em desastres

Referências:
ANGEL, Mauricio Q.; Escobar,Yesid C.; Aldunce,Paulina; Adaptación a la variabilidad y el cambio climático: intersecciones con la gestión del riesgo/ adaptation to variability and climate change: intersections with risk managemenet. The Scientific Electronic Library Online, Luna Azul ISSN 1909-2474, No. 34, enero – junio 2012 Manizales, 2011-03-25 (Rev. 2012-03-01).

BRASIL. Ministério da Justiça. Segurança Pública. Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Tópicos de Psicologia Relacionados á Segurança Pública e Defesa Civil pelo Senasp disponível em < http://ead.senasp.gov.br/modulos/educacional/conteudo/00996/paginas/TopicosPsicologia_completo.pdf > acesso em 14/11/2013.

BRASIL. Ministério da Justiça.Segurança Pública.Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Psicologia das Emergências disponível em <http://ead.senasp.gov.br/modulos/educacional/conteudo/01016/paginas/PsicologiaEmergencias_completo.pdf> acesso em 14/11/2013.

BENÍTEZ, P.C.I., Vicente, B., Zlotnick, C. et al.; Estudio epidemiológico de sucesos traumáticos, transtorno de estrés post-traumático y otros trastornos psiquiátricos en una muestra representativa de Chile, The Scientific Electronic Library Online, Vol. 32, No. 2, marzo-abril 2009, Sallud mental.

BRIGGS, Susan M.; Manual de resposta médica avançada em desastres.editor associado Raúl Coimbra, Distruna Editorial, 2010.

BULUT, Sefa (2013); Prediction of Post-Traumatic Stress Symptoms via Comorbid Disorders and other Social and School Problems in Earthquake Exposed Turkish Adolescents. The Scientific Electronic Library Online, Revista Latinoamericana de Psicología, Volumen 45, No 1, pp. 47-61, 2013 ISSN 0120-0534.

COUTINHO, E.S.F. e FIGUEIRA, I.; Atendimento psicológico às vítimas de catástrofes: estamos fazendo bem? The Scientific Electronic Library Online, Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 29(8):1488-1490, ago, 2013.

DONNA, G.; FIONA, T.; CARL, G. et al;. Psychological therapies for the treatment of post-traumatic stress disorder in children and adolescents. Cochrane Database of Systematic Reviews. In: The Cochrane Library, Issue 11, Art. No. CD006726. DOI: 10.1002/14651858.CD006726.pub12, de 2013.

FARIAS, L.C., JUNIOR, S.J., SCHEFFEL, R.T; Atuação do Psicólogo nas emergências e desastres disponível em < http://www.abrapede.org.br/wp-content/uploads/2013/01/Atuação-do-Psicólogo-nas-Emergências-e-Desastres.pdf>

Figueira, I e Mendlowicz, M.; Diagnóstico do transtorno de estresse pós-traumático. Rev Bras Psiquiatr 2003;25(Supl I):12-6,Google Acadêmico.

MASSING, C.R.; LISE, F. A.; GAIO, J.M.; Psicologia das emergências e dos desastres: Intervenções em Guaraciaba – SC; V Seminário Internacional de Defesa Civil – DEFENCIL São Paulo – 18, 19 e 20 de Novembro de 2009; ANAIS ELETRÔNICOS – ARTIGOS disponível em <http://www.defesacivil.uff.br/defencil_5/Artigo_Anais_Eletronicos_Defencil_15.pdf> acessado em 10/02/2014.

MCSWAIN, N. E.; Frame, S.; Salomone, J. P.; Prehospital Trauma Life Support (PHTLS) / NAEMT ; [tradução Renata Scavone… et al.]. – 7.ed. – Rio de Janeiro : Elsevier, 2011.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE. Disaster-info disponível em acesso em 14/11/2013.

RIO DE JANEIRO. Secretaria do Rio. Centro de Estudos e Pesquisa de Desastre.Boletim de Administração de desastres Defesa Civil Prefeitura do Rio; Novembro , 2006 Disponível em acesso em 14/11/2013.

RIPLEY, A. Impensável como e por que as pessoas sobrevivem a desastres. Tradução Helena Londres. São Paulo, Editora Globo, 2008.

ROBERTS Neil P., KITCHINER Neil J, KENARDY Justin, BISSON Jonathan I. Multiple session early psychological interventions for the prevention of post-traumatic stress disorder. Cochrane Database of Systematic Reviews. In: The Cochrane Library, Issue 11, Art. No. CD006869. DOI: 10.1002/14651858.CD006869.pub3, de 2013.

SANTA CATARINA. Prefeitura de Florianópolis.Secretaria Municipal de Saúdede.Programa de Saúde Mental. Protocolo de Atenção em Saúde Mental disponivel em <http://www.pmf.sc.gov.br/arquivos/arquivos/pdf/05_08_2011_9.41.44.1bf62fa463bec5495279a63c16ed417f.pdf> acessado em 10/02/2014.

SANTA CATARINA. Secretaria de Estado de Saúde de Santa Catarina.Vigilância em Saúde Pública. Portal da Secretaria do Estado de Santa Catarina disponível em   acesso em 14/11/2013.

SÃO PAULO. Massing, Carla R.; Lise, Fábio A., Gaio, Janete M., V Seminário Internacional de Defesa Civil – DEFENCIL. Psicologia das emergências e dos desastres: Intervenções em Guaraciaba – SC; Novembro, 2009 Disponível em acesso em 14/11/2013.

SÃO PAULO. Centro de Vigilância Epidemiológica.Vigilância Epidemiológica e Desastres disponível em acessado em 13/11/2013.

SUE, L. Mary, De Silva, Robert, H. Sports and games for post-traumatic stress disorder (PTSD). Cochrane Database of Systematic Reviews. In: The Cochrane Library, Issue 11, Art. No. CD007171. DOI: 10.1002/14651858.CD007171.pub1, 2013.

———————————————————————————————————————————————
ARTIGO
Atendimento ao trauma

AUTORA:
Natália Garcia Pires

FOTO
Marcello Casal JR/ABr

Estudo aborda a importância do enfermeiro no atendimento pré-hospitalar a vítimas de trauma para minimizar possíveis danos e sequelas do paciente

Referências:
BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria Nº 2048/GM de 05 de novembro de 2002. Brasília: Ministério da Saúde, 2002. Disponível em: http://www.saude.mg.gov.br/atos_normativos/legislacao-sanitaria/estabelecimentos-de-saude/urgencia-e-emergencia/portaria_2048_B.pdf. Acesso em 15/07/09.

CARVALHO, M.G. Suporte Básico de Vida no Atendimento Pré-Hospitalar. In CARVALHO, M.G.  Atendimento Pré-Hospitalar para Enfermagem – Suporte Básico e Avançado de Vida. São Paulo, Editora Iátria, 2004, p 13.

DOLOR, A.L.T. Atendimento pré-hospitalar: histórico do papel do enfermeiro e os desafios ético-legais, 06/09/08. Disponível em http://biblioteca.universia.net/ficha.do?id=35228953. Acesso em 27/08/09.

FERREIRA, A.B.H. Dicionário Aurélio, 6ª Edição. Curitiba: Editora Positivo, 2005, p 789.

KEMPER, M.M, Procedimento Operacional Padrão do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU 192, outubro de 2006. Disponível em http://samu.saude.sc.gov.br/arquivos/procedimento_operacional_padrao_pop.pdf. Acesso dia 25/09/09.

OLIVEIRA, B.F.M; PAROLIN, M.K.F; TEIXEIRA Jr, E.D. Cinemática do Trauma. In OLIVEIRA, B.F.M; PAROLIN, M.K.F; TEIXEIRA Jr, E.D.  Trauma: Atendimento Pré-Hospitalar.  São Paulo: Editora Atheneu, 2007, p 99.

THOMAZ, R.R; LIMA, F.V, Atuação do Enfermeiro no Atendimento Pré Hospitalar na cidade de São Paulo, 29/06/99. Disponível em http://www.unifesp.br/denf/acta/2000/13_3/pdf/art7.pdf. Acesso em 15/09/09.

VARGAS, D. Atendimento pré-hospitalar: a formação específica do enfermeiro na área e as dificuldades encontradas no início da carreira, 06/03/06. Disponível em http://www.portalbvsenf.eerp.usp.br/pdf/rpe/v25n1/25705.pdf. Acesso em 20/08/09.

VIEIRA, S.R.R; TIMERMAN, A. Consenso Nacional de Ressuscitação Cardiorrespiratória, junho de 1996. Disponível em  http://www.cds.ufsc.br/~osni/consenso_nacional_de_reanimacao_cardiopulmonar.pdf. Acesso em 20/09/09.

VIEIRA, S; HOSSNE, W.S. Revisão Bibliográfica e Meta-análise. In VIEIRA, S; HOSSNE, W.S; Metodologia Científica para a Área de Saúde. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2001, p 135.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui