ARTIGO
Desfibrilador Externo Automático

AUTORES:
Pablo Guerra Maria  e Helena Beatris Toschi de Cortez

ILUSTRAÇÃO
Beto Soares/Estúdio Boom

Estudo realizado com Bombeiros Militares revela que a educação permanente não é focada no SBV, e tem pouca ênfase no uso do DEA

REFERÊNCIAS

AMERICAN HEART ASSOCIATION (AHA). Suporte Avançado de Vida em Cardiologia. Livro do Profissional de Saúde Produção. São Paulo, 2008, p. 11-17.

BRASIL. AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA (ANVISA). BIT Boletim Informativo de Tecnovigilância, Disponível em: http://www.anvisa.gov.br/boletim_tecno/boletim_tecno_fev2011/boletim_tecno.html. Acesso em: 02 de jan. de 2014.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Portaria nº 2048 de 05 de Nov. de 2002. Disponível em:. Acesso em: 15 jan. 2014.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Política nacional de atenção às urgências. Brasília: Ministério da Saúde, 2003.

Le Coutour apud Nitschke et al Rede de Atenção às Urgências e Emergências Coordenação Estadual de Urgência e Emergência- Curso Capacitação SAMU 192 – Macrorregional, 2. Ed. Minas Gerais, 2010.p.4, 2010.

MIYADAHIRA, A. M. K. et al. Ressuscitação Cardiopulmonar com a Utilização do Desfibrilador Externo Semi Automático: avaliação do processo ensino aprendizagem. Revista da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo. São Paulo, v. 42, n. 3, p. 532-538, 2008.  Nitschke, Cesar Augusto Soares, Nazário, Nazaré Otilia, Especialização em Saúde da Família- Urgência e Emergência, 1. ed. Santa Catarina, 2010.

Nitschke, et al. Rede de Atenção às Urgências e Emergências Coordenação Estadual de Urgência e Emergência- Curso Capacitação SAMU 192 – Macrorregional, 2. ed. Minas Gerais, 2010.p.IV-1-IV-211, 2010.

Wickl, Dorph et al apud MIYADAHIRA, Ana Paula Kazue, COSTA, Patricia Ferreira da. Desfibriladores externos automáticos (DEA) no atendimento pré-hospitalar e acesso público a desfibrilação: uma necessidade real. O mundo da saúde. São Paulo, jan/ mar. p.9.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui